29 de outubro de 2012

Astral da Semana: 29 de Outubro a 4 de Novembro de 2012

Áries

Áries
: o período é de crises e desafios. Por isso não se superestime. O bolso e as relações afetivas podem estar em alta, mas demandam muita atenção.
Touro

Touro
: Lua cheia em seu signo é motivo de comemoração a dois. Relacionamentos em evidência: algumas questões estarão em cheque.
Gêmeos

Gémeos
: Lua evidencia a saúde e o dia a dia: haverá muito trabalho, cobranças e desafios. Deve fluir, mas não blefe e nem se superestime.
Cancer

Câncer
: você deve consultar o seu coração pra tudo. Mas não use apenas a emoção, tente fazer um balanço do que está em jogo, mire em frente e aja.
Leão

Leão
: o foco são as relações familiares e os temas domésticos. Os amores melhoram, mas esteja atento pra não exagerar na avaliação ou na dose.
Virgem

Virgem
: você já sabe qual é o novo projeto em que deve investir suas energias? Pois então, é hora de agir. Finanças e família pedem dedicação.
Libra
Libra
: Lua evidencia os gargalos que precisam ser enfrentados e que são de ordem prática. Venus vai auxiliá-lo, mas não se deixe enganar à toa.

Escorpião

Escorpião
: Lua Cheia propõe balanço e envia soluções. Por isso, não dramatize, lide objetivamente com tudo e aja. Afetos em alta e em cheque.
Sagitário

Sagitário
: 2º decanato continua precisando maneirar em tudo. Já o 1o decanato está em fase criativa e expressiva. Fique atento ao que fala.
Capricórnio

Capricórnio
: alegria e satisfação será grande com filhos e amores. Novo projeto e área profissional também em evidencia: dedique-se.
Aquário

Aquário
: lua vai conscientizá-lo de tudo que está em jogo no profissional. Analise, aprimore a estratégia e parta pra ação. Empenhe-se e colherá.
Peixes
Peixes: lua vai deixar claro o que deve ser feito e como deve ser feito para você consiga dar vazão à expansão que está vislumbrando.

28 de outubro de 2012

Taróloga ou Psicologa???



Olá caros leitores!
Hoje me inspirei para vos escrever mais um dos meus pensamentos.
Em várias consultas que já fiz até hoje, nunca fui questionada de tal pergunta, mas desta vez não escapei dela, uma cliente muito querida esta semana me perguntou;

- Você é Taróloga ou Psicóloga?

Rapidamente lhe respondi, sendo que nunca tinha parado para pensar nessa resposta!!!

Bem... acho que trabalho um pouco com as duas profissões apesar de nunca ter estudado para me formar em nenhuma delas, ser Taróloga hoje em dia para muitas pessoas virou negócio, para mim sempre foi um dom que Deus, os Astros, os Orixás ou o Universo me deu, então para mim as cartas são mais que meras cartas de papel, são as minhas melhores amigas, como referi antes, mas também uso um pouco da minha própria psicologia e intuição, quando se trata de aconselhar as pessoas.
Tenho muita paciência para escutar o próximo e penso muito bem antes de o aconselhar, também é essa a essência que falta nos dias de hoje paciência!

Ao longo do meu caminho como Taróloga, sempre esperei ajudar os outros de uma forma diferente, aconselhando da melhor maneira, indicando os melhores caminhos e principalmente mantendo sempre a fé no coração das pessoas.

Voltem Sempre!

26 de outubro de 2012

Tarô e Astrologia!



Cada sistema simbólico tradicional dispõe de premissas e formulações específicas, que devemos conhecer o melhor possível, antes de empreender alguma tentativa mais séria de estabelecer relações entre eles.


Em alguns casos são evidentes as bases comuns de certos conteúdos como, por exemplo, entre os elementos da astrologia e os naipes dos arcanos menores do Tarôt.

A simbologia da quadruplicidade se aplica muito bem aos dois sistemas.

Já as correspondências entre os arcanos maiores do Tarô e os signos e planetas astrológicos, constitui um desafio que permanece em aberto.

É bom lembrar que buscar correlações exige algo bem diferente de colocar um sinal de igual entre símbolos de diferentes sistemas. 

De fato, o conjunto dos Arcanos Maiores não se resumem a uma mera representação dos signos e planetas, ainda que, modernamente, os 12 signos e os 10 planetas, somem 22 símbolos, número igual ao das cartas que compõem o conjunto dos antigos "trunfos". 

No entanto, na época da elaboração do Tarô, eram considerados – além dos 12 signos – apenas os 7 “planetas” (os 2 luminares e os 5 planetas visíveis a olho nu), pois ainda não haviam sido descobertos Úrano, Neptuno e Plutão.

Voltem Sempre!

22 de outubro de 2012

Tarot!

Todo o significado e sabedoria do Tarot está representado em um baralho de 78 lâminas (ou cartas), as quais se dividem em dois grupos: 22 arcanos maiores e 56 arcanos menores.

A palavra arcano significa "segredo, mistério", e se refere ao grande mistério da vida.

As imagens e símbolos dos arcanos são "lidos" pelo Tarólogo que, através da interpretação chega as revelações e mensagens que são passadas ao consulente.

Os 56 arcanos menores são subdivididos em 4 naipes: ouros, copas, paus e espadas.

Cada naipe possui 10 arcanos numerados e 4 arcanos com figuras da realeza (Rei, Rainha, Cavaleiro e Valete).

Os arcanos maiores são as principais cartas do Tarot, que funcionam como um guia que mostra a direcção, aconselhando, orientando ou alertando o consulente. Suas cartas não expressam fatos concretos e predestinados, mas captam o momento, mostrando influências e oportunidades que só se concretizarão efectivamente se forem compreendidos e trabalhados.

O simples conhecimento dos valores das cartas não é suficiente, pois o conhecimento sem a intuição é como um corpo sem alma.

O Tarot possui características e elementos cuja compreensão depende de aprofundados estudos e desenvolvimento da intuição para que seja possível compreender seus mistérios e significados.

Talvez, a verdadeira origem do Tarot continue sendo um grande mistério, o que importa realmente é o seu extraordinário poder de orientação psicológica e espiritual, nos ajudando com o auto conhecimento e melhor compreensão dos outros, no amor, no trabalho e na família.

O Tarot nos indica os caminhos que podemos seguir ou não, sempre de acordo com a nossa vontade. Temos o livre arbítrio, somos responsáveis pelas nossas decisões, e jamais devemos nos esquecer que para cada um de nossos actos existe uma consequência, e que contra fatos reais não existem argumentos.

Voltem Sempre!

21 de outubro de 2012

Cristais & Pedras!



Os cristais, desde as culturas antigas do mundo, eram usados para curar e equilibrar o ser humano. Na cultura antiga da Índia, Grécia e Egipto, os cristais eram usados para energizar remédios e auxiliar na medicina, trazendo a cura para muitas pessoas.


Os cristais são poderosas ferramentas que trazem o equilíbrio natural para as partes:

Físicas, Psicológicas e Espirituais

Eles representam o poder da natureza superior. Os cristais podem ser usados em conjunto com outras terapias, tendo uma afinidade especial com a terapia de cores.

A energia que sai dos cristais, é uma composição dos elementos da natureza e dos raios vibracionais. Transmitem uma espécie de raio que é absorvido pelo corpo físico. Esses raios absorvidos pelo corpo, desbloqueiam e alinham os chakras, que são os sete centros de energia que todos nós possuímos.

Os cristais podem ser usados nas práticas de meditações e visualizações.

Podemos invocar a presença de um cristal através de nossos pensamentos, apenas imaginando sua cor.

Eles trazem energia vibracional de alta frequência, amplificado e focalizado nas energias naturais do corpo e da mente.

Cada cristal tem uma função específica, de acordo com seu tamanho e coloração. Os cristais grandes, como por exemplo a Drusa por ser um quartzo de várias pontas, é excelente para as limpezas dos ambientes.

Os cristais mais comuns, são os cristais de quartzo (transparente), por sua maneira fácil de usar e alinhar os chakras. Os cristais coloridos são usados em cima de cada um dos chakras, a fim de atingir problemas específicos, como por exemplo uma dor de cabeça.

Não é aconselhável para os iniciantes em cristais, começar com os cristais coloridos. O seu uso incorrecto poderá não trazer os resultados esperados.

Tanto os cristais quanto as pedras ajudam-nos na meditação, na ampliação do nosso campo magnético, na busca do conhecimento, nas viagens astrais... Transmitem-nos energia, muito mais do que aquela que recebem de nós.

É verdade que há uma espécie de troca; digo espécie, porque recebemos em dobro, em triplo e, às vezes, até em décuplo as energias que lhes damos. Nós, os cristais e as pedras somos parte da Natureza, sendo que eles, pela pureza, são mais poderosos e mais iluminados que nós. Contudo, querem nossa integração.

Recebem a perfeição e a harmonia do Cosmos, sendo por isso, todos os chakras da Natureza. Se nos concentrarmos disso, procuraremos trabalhar com eles, pois os benefícios, deles adivinhos, serão incontáveis.

Para tanto, basta desenvolvermos nossa intuição, nossa sensibilidade, nossos sentimentos e nossas virtudes; e, assim, canalizaremos todo o Bem, e com eles faremos um Universo melhor.

"A gente não escolhe os cristais, eles nos escolhem!"

Podemos, através deles, entrar na temporalidade, isto é, ver o presente, o passado e o futuro, como se fossem um só momento.

Para fazermos brilhar a nossa luz, para ficarmos em estados atemporais, é importante meditarmos com os cristais, ao menos dez minutos por dia. Podemos fazer uso também do Tarôt dos Cristais, de músicas, de velas, como recursos auxiliares.

Os cristais e as pedras servem para: meditar, orar, curar; energizar ambientes, plantas, animais, pessoas; e também para banhos. Você deve ter um cristal só seu. Poderá andar diariamente com ele junto ao corpo ou na bolsa. Vez por outra, deve tocá-lo para que ele se sinta amado, lembrado.

Voltem Sempre!

20 de outubro de 2012

Óleos & Essências!


Alecrim: Indicado para esgotamentos físicos e mentais, dispersão e apatia. Pessoas hipertensas e angustiadas se beneficiam com inalação do aroma de alecrim.

Amêndoa: Utilizado para magias amorosas e restabelecimento da saúde física e mental.

Cedro: Utilizado como sedativo e relaxante, principalmente em dores musculares e crises de asma. No nível sutil é utilizado como símbolo do perdão ou para estimular a concentração meditativa.

Cipreste: Favorece a alquimia interior, a transmutação. Pode-se usar para meditação em grupo.

Gerânio: Indicado para aqueles que estão em busca do potencial criativo, que deseja romper com situações de acomodação ou medos desconhecidos.

Hortelã: Facilita assimilação de idéias, comunicação e auto-expressão. Devolve o bom humor.

Jasmim: O jasmim simboliza o deus do amor "Kama", segundo os rituais hindus. Na China é usado para comemorar o Ano Novo. Usado para purificar ambientes onde existem pessoas doentes, e em locais de discórdia e agressividade.

Lavanda: Oriunda do latim "lavare", se destina à purificação. Também organiza os pensamentos, e se for passada nas têmporas alivia dores de cabeça.

Manjericão: Está associado ao discernimento, coragem, força física, propósito, justiça e harmonia.

Mirra: Está associada a nossa luz interior, criatividade, dinamismo, liderança e ação.

Olíbano: Acalma e desperta a consciência superior e concede o perdão às nossas culpas. 

Rosa: Traz alegria, felicidade e harmonia ao lar. 

Sândalo: Muito usado em rituais de purificação e meditação, pois se acredita que tem propriedades de libertação mental. Indicado para ansiedade, medo, repressão ou apatia sexual. Aplica-se uma gota no meio da testa para que tenhamos a verdadeira visão dos fatos.

Voltem Sempre!

OBRIGADA PELA SUA VISITA!!!

OBRIGADA PELA SUA VISITA!!!

Google+ Followers

Seguidores

Onde me encontro: